Uma perspectiva sistêmico-discursiva para estudos em comunicação organizacional

Este artigo aproxima a teoria dos sistemas de Niklas Luhmann e a abordagem discursiva de Eliseo Verón, com o objetivo de construir um quadro epistêmico-metodológico para subsidiar estudos em comunicação organizacional. São discutidas as noções centrais da teoria sistêmica e os pressupostos da abordagem discursiva, de forma a possibilitar uma síntese da perspectiva sistêmico-discursiva, seus possíveis reflexos sobre a noção de comunicação organizacional, bem como a indicação de possíveis caminhos de investigação. Nessa perspectiva, a comunicação pode ser considerada a essência da organização. Através dela é construída e mantida a distinção fundamental que assegura sua condição sistêmica.

Victor Márcio Laus Reis Gomes

Revista FAMECOS, 2016

Acesso ao artigo